Câmara realiza audiência pública para debater sobre os cuidados com os portadores de Down

09/09/2019 15:21

Discussão ocorrerá nesta quarta-feira, às 14h, por iniciativa do vereador Fábio Meireles


Câmara realiza audiência pública para debater sobre os cuidados com os portadores de Down

“Síndrome de Down: diagnosticar para melhor cuidar”. Esse é o tema da audiência pública que ocorrerá nesta quarta-feira, às 14h, no plenário da Câmara Municipal de Aracaju. A iniciativa da discussão é do vereador Fábio Meireles. “O nosso intuito é fazer uma abordagem mais aprofundada e de forma técnica, envolvendo todos os atores sociais para que possamos entender melhor sobre o assunto e, assim, os pais de crianças com indicativo da Síndrome possam ter acesso a um diagnóstico precoce e preciso de modo a garantir o sucesso do tratamento”, afirmou.

Para o vereador, o portador de Down precisa ser acolhido e incluído em todos os processos sociais. “A Síndrome não uma doença, é apenas um acidente genético e esses cidadãos precisam ter o tratamento e estímulos necessários durante a infância para que possam ter uma vida com menos comprometimento no que diz respeito ao seu desenvolvimento físico e intelectual”, observou Meireles, que é autor do Projeto de Lei (já aprovado) que garante aos pais de recém-nascidos com indicativo de Síndrome de Down, o direito a fazer os exames cariótipo e ecocardiograma, gratuitamente, em maternidades e hospitais de Aracaju.

Para conhecimento

Não há números oficiais, mas segundo dados publicados no mais diversos veículos, a partir de levantamento do Movimento Down, estima-se que, no mundo, cerca de 800 mil pessoas são portadores da Síndrome. No Brasil, esse número gira em torno de 310 mil.

A Síndrome de Down é uma alteração genética motivada por uma modificação cromossômica de trissomia. Na prática, a pessoa portadora da síndrome tem uma terceira cópia do cromossomo 21 em todas as células do organismo. 

Fonte: Assessoria de Imprensa

Compartilhe

Veja Também

Receba Notícias Pelo WhatsApp