Prefeitura de Aracaju reforça importância do pré-natal com projeto ConVIDA Gestante

07/11/2019 16:38


Prefeitura de Aracaju reforça importância do pré-natal com projeto ConVIDA Gestante
Neste próximo sábado, dia 9, a Prefeitura de Aracaju realiza o terceiro ConVIDA Gestante, projeto que visa à alertar mulheres grávidas a respeito da necessidade de realizar o pré-natal. A meta é estreitar o acompanhamento no período de gestação, com ações que garantam um pré-natal qualificado e, assim, evitar complicações durante e pós-parto.


O projeto, desenvolvido pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS), foi elaborado a partir da análise dos indicadores de mortalidade materna e infantil, os quais mostraram, ainda, números referentes a mulheres que não buscavam as Unidades Básicas de Saúde (UBS) a tempo de realizar um pré-natal de qualidade.

Por serem as localidades com as maiores taxas de mortalidade infantil e também gravidez na adolescência, os bairros Santa Maria e Santos Dumont foram escolhidos para o início das atividades do projeto. Assim, das 7h às 13h, as ações serão realizadas na UBS Prefeito Celso Augusto Daniel, no Santa Maria, e na UBS José Machado de Souza, no Santos Dumont.

Durante a realização do ConVIDA Gestante, serão ofertados vacinação, consulta com a equipe de Enfermagem, consulta com médico, caso haja necessidade, consulta com dentista, teste rápido para HIV, sífilis e Hepatite B e C, além do projeto Sala de Espera que vai prestar orientação sobre amamentação, cuidados básicos e higiene.

A coordenadora da Área Programática e Estratégica da SMS, Kamila Fialho, explica que a ação é uma espécie de mutirão do trabalho já realizado com as gestantes nas UBSs. “É uma intensificação de consultas do pré-natal. Mulheres que estão até o sexto mês com poucas consultas ou com nenhuma, vinculamos ela à sua unidade de origem, e mulheres no terceiro trimestre, acima do sexto mês de gravidez são atendidas quinzenalmente no ConVIDA que vai acontecer nos dias 9, 23 e 30 de novembro, e no sidas 7 e 12 de dezembro”, afirma.

Parceiro incluso

De acordo com Kamila Fialho, o projeto engloba o parceiro, como parte Política de Atenção Integral à Saúde do Homem. Ela ressalta que o parceiro deve acompanhar a gestante e, para isso, terá acesso a todos esses serviços, pois faz parte dessa política a paternidade responsável.

O ConVIDA Gestante conta com guia do pré-natal do parceiro, não só para os cuidados físicos, mas também para que os pais possam participar de todo o processo.

“O homem precisa ter esse alerta e esse link para poder também ser cuidado. Neste sentido, o pré-natal ajuda nessas três frentes: a vinculação do homem com a UBS, a vinculação do homem com a chegada de um filho para a postura de pai, e o tratamento também das doenças que possam vir a infectar a gestante e, consequentemente, o bebê”, frisa a coordenadora.

Fonte: Ascom PMA

Compartilhe

Veja Também

Receba Notícias Pelo WhatsApp