Novas obras da Prefeitura vão transformar cenário urbano da zona Norte da capital

06/11/2019 17:19


Novas obras da Prefeitura vão transformar cenário urbano da zona Norte da capital

Autorizadas pela Prefeitura de Aracaju ao longo do último mês de outubro, sete novas obras de infraestrutura se somaram ao conjunto de investimento que a administração municipal já executa em diversos bairros da cidade, da zona Norte à zona Sul.

Essas novas obras foram anunciadas pelo prefeito Edvaldo Nogueira, no último dia 30 de setembro, durante transmissão ao vivo que faz quinzenalmente para interagir com a população por meio de uma rede social. Soledade e Cidade Nova foram os principais bairros beneficiados com estes novos investimentos, que somam mais de R$30,6 milhões.

“Poder autorizar essas novas obras me deixa imensamente feliz. Primeiro, porque demonstra o nosso compromisso com a população aracajuana, que tanto esperou por esses investimentos, e segundo porque comprova que, quando se trabalha com foco e determinação, os resultados aparecem”, explica Edvaldo.

De acordo com o prefeito de Aracaju, ao assumir a gestão do município, traçou, junto à sua equipe, o Planejamento Estratégico, que tem permitido à Prefeitura faz investimentos importantes em toda a cidade.

“Nestes dois anos e 10 meses de administração retomamos e iniciamos obras que transformam diversas áreas da cidade. Este último bloco de assinaturas de ordens de serviço confirma isso. São obras de infraestrutura que garantirão uma vida mais digna para quem mais precisa, obras de mobilidade, como as de recuperação dos corredores de transportes, que possibilitarão um trânsito mais fluido, organizado, e obras de revitalização, como a da Orlinha do bairro Industrial, que envolve turismo, geração de emprego e renda", destaca o gestor municipal.

Com a nova leva de obras, a prioridade da gestão é dotar de infraestrutura as ruas que ainda não contam com rede de drenagem pluvial, esgotamento sanitário e pavimentação. Para tanto, serão investidos recursos da emenda impositiva de R$63 milhões destinada à capital sergipana pela bancada federal de Sergipe.

Num mesmo dia, a Prefeitura de Aracaju autorizou o início da execução dos projetos de infraestrutura dos loteamentos Santa Catarina, Isabel Martins e Guarujá, todos localizados no bairro Soledade. Essas novas obras incluem terraplanagem, pavimentação asfáltica e em paralelepípedo, drenagem pluvial, implantação de rede de esgoto, sinalização e acessibilidade de todas essas comunidades.

Também na zona Norte, a Prefeitura iniciou, de uma só vez, as obras estruturantes dos loteamentos Tia Caçula e Jardim Indara e da rua Alagoinhas, no bairro Cidade Nova, cujos projetos contemplam, ainda, as ruas que ficam no entorno dessas localidades e o revestimento do canal da rua D.

Além de garantir infraestrutura digna aos moradores da zona Norte, as obras são um resultado do empenho da Prefeitura em garantir, também, mobilidade urbana na cidade, como reforçou o superintende municipal de Transportes e Trânsito, Renato Telles. “A zona Norte concentra uma parcela significativa da população da cidade e com o trabalho de melhorias na infraestrutura que a Prefeitura vem realizando, conseguiremos organizar ainda mais o fluxo de veículos na área, inclusive integrando às intervenções que fizemos em outros bairros da região. Além disso, se houver demanda, poderemos ampliar a oferta do transporte público em algumas vias beneficiadas pelas obras”, garante.

Significativa para o bairro Olaria, a cobertura do canal do loteamento São Carlos também foi autorizada pela Prefeitura. A obra compreende a cobertura de toda a extensão do canal, que possui 320 metros, com placas de concreto e seu revestimento. A intervenção também inclui a implantação do sistema de drenagem pluvial, além da construção de um emissário e de uma estação elevatória de esgotamento sanitário. Para completar, a área será pavimentada e irá possibilitar o trânsito de veículos e melhorar a mobilidade urbana do bairro.

Turismo beneficiado

Assim como as obras levarão mais dignidade aos moradores, a população também vai ganhar com o beneficiamento do turismo, que também está contemplado na nova leva de obras estruturantes.

É também na zona Norte que vem outra melhoria aguardada, a recuperação da Orlinha do Bairro Industrial, um projeto que inclui a reconstrução do piso, do parque infantil, do píer, de quiosques, entre outros equipamentos.

De um extremo ao outro

Para garantir a comunicação eficaz entre as ruas e avenidas da cidade, a Prefeitura autorizou, também em outubro, a execução de mais duas obras integrantes do Projeto de Mobilidade Urbana de Aracaju; a revitalização das vias que compõem os corredores de transportes Centro/Jardins e Augusto Franco.

A intervenção na avenida Augusto Franco consiste na retirada completa do pavimento (o que ocorrerá pela primeira vez) para aplicação de uma nova camada asfáltica. Além disso, a via ganhará uma nova faixa para o fluxo de veículos, uma das quais prioritária para o transporte público, e uma nova ciclovia.

Com 11,5 km de extensão, o corredor Centro/Jardins, que compreende 17 vias, receberá novo pavimento asfáltico, desde o Centro da capital, atravessando os bairros São José, 13 de Julho, Jardins e Inácio Barbosa, até chegar ao conjunto Augusto Franco.

Além da recomposição do pavimento, com a retirada e aplicação de nova camada asfáltica, serão realizados serviços de implantação de meios-fios, calçadas em concreto desempolado, rampas de acessibilidade, sinalização horizontal, vertical e implantação de semi-pórtico metálico.

O presidente da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb) e secretário municipal da Infraestrutura, Sérgio Ferrari, destaca as demais obras que estão sendo executadas e que se unem às do novo conjunto de intervenções.

“Atualmente, a Prefeitura possui cerca de 15 contratos de obras em andamento espalhadas pelos bairros Industrial, Bugio, Dom Luciano, Japãozinho e Soledade, voltadas para a mobilidade, infraestrutura, saneamento básico, esporte e lazer, cujos investimentos somam, aproximadamente, R$65 milhões. É, sem dúvida, um dos maiores montantes de recursos já investidos na região. São políticas públicas traçadas pela Prefeitura e presentes no Planejamento Estratégico sendo executadas”, ressalta.

"Se você parar para analisar, todos esses projetos estão interligados com os que já estavam sendo executados na cidade. As obras de infraestrutura autorizadas recentemente na zona Norte mesmo, como as do Tia Caçula, Indara, Guarujá e Santa Catarina, se somam a outras já em execução, a exemplo do Jardim Bahia, Moema Mary, Japãozinho, Euclides Figueiredo, entre outras. Com elas, vamos fechar, praticamente, toda a área, com drenagem e pavimentação, até o final do nosso mandato. Da mesma forma, a recuperação dos corredores de trânsito também se complementam. Todas as vias que estão passando por revitalização se interligam, em algum trecho. Por isso, todas essas obras que estamos fazendo engrandecem meu coração. Especialmente porque estamos usando a política como um instrumento de transformação social”, completa Edvaldo Nogueira.

Fonte: Ascom PMA

Compartilhe

Veja Também

Receba Notícias Pelo WhatsApp